Teste de estanqueidade evita explosões em tubulações de gás

" />

Blog

Teste de estanqueidade evita explosões em tubulações de gás

Estanqueidade

01/10/2020

Cuidado com vazamentos é essencial para evitar prejuízos.

O teste de estanqueidade em tubulações de gás é um método utilizado para avaliar se algum fluido, nesse caso gás, está estanque. Ou seja: que não há nenhum vazamento na superfície de contato. O teste utiliza ar comprimido como meio comprovação.

Com a adição da pressão dentro do recipiente o teste de estanqueidade em tubulações de gás ocorre sem problemas. Assim, por meio de um medidor chamado de manômetro é possível avaliar se a pressão interna sofreu alterações. Após um tempo, o fluido pode ser medido e o ambiente se apresenta com modificações, caso haja vazamento.  

Após essa primeira etapa do teste de estanqueidade em tubulações de gás, caso seja encontrada alguma alteração, a análise precisa ser refeita utilizando outros equipamentos que possam localizar o vazamento. Se ele for pequeno é possível com resinas resolver na hora. Caso ele seja maior, as mudanças precisam ser analisadas e, até mesmo, um projeto para novo trajeto da tubulação precisa ser feito, substituindo os cabos de cobre.

O teste de estanqueidade em tubulações de gás também é realizado de forma preventiva para comprovar que não há nenhum vazamento em um empreendimento. Essa é a comprovação mais segura de que um ambiente está livre de qualquer tipo de vazamento que possa causar prejuízos ou explosões. O Corpo de Bombeiros exige esse procedimento para liberação de tubulações de gás.

Pela ABNT, na NBR 15358, a inspeção deve ser periódica por meio do teste de estanqueidade em tubulações de gás. O período máximo para realização do mesmo é de um ano em áreas comerciais e industriais. Se algum cano já passou por algum reparo ou dano, esse prazo passa para seis meses, visto que é preciso se certificar que tudo está ocorrendo normalmente.

Mesmo que o ambiente não apresente pode estar ocorrendo um mínimo vazamento que pode ser prejudicial à saúde e ao meio ambiente ou, ainda, pode ser um grave problema na produtividade de um segmento industrial. Por isso, o teste de estanqueidade em tubulações de gás é tão importante como forma de prevenção e correção.

Além do teste de estanqueidade em tubulações de gás, outros fatores podem ser avaliados para manutenção preventiva do sistema: tubos previamente sinalizados e obstruídos, pintura uniforme, elementos identificados na tubulação e dispositivos de ignição e mangueira devem estar funcionando normalmente. Todos esses cuidados são essenciais para melhor aproveitamento e utilização dos sistemas de tubulação.

Categorias

Escolha o assunto:

Endereço

Avenida Afonso Pena, n.º 3355
Cruzeiro, Belo Horizonte - MG

(31) 3395 6260

Horário de funcionamento:
Segunda à sexta-feira, de 8h às 17hs